Academia Cross RPG
Bem Vindos!!

Aos visitantes e Novatos Na Academia Cross.

Leiam as Regras para participar do RPG.

Regras Gerais, orientações e Sistema do Jogo

Arigato pela Visita e volte Sempre!

Administração Equipe Cross



RPG Vampire Knight
 
Portal CrossInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Club FIVE

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Club FIVE    Dom 10 Jan 2016 - 13:52

Relembrando a primeira mensagem :

[Lounge] [Bathroom] [BAR] [DJ] 



Spoiler:
 


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D


Última edição por Master em Dom 7 Fev 2016 - 20:37, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda

AutorMensagem
Luthica
C
C


Feminino
Char RPG : Daryl Cannigan (B)

Naru Jenkins (ex-humana; D)

Elliot Casper von Wright (A)

Euphemia von Wright (A)

Vilhelmina von Wright (A)

Clã von Wright
Posts: : 481
Inscrição : 28/08/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Seg 25 Jan 2016 - 22:44

(pessoal, não estava em casa~~ postarei depois dos meus testes, amanhã bem cedinho <3 )

Testes da Vilhelmina (Jourdan)
resistencia (força de vontade + inteligencia) para sacar e evitar
dificuldade basica 6 e acertos de pelo menos 2 acima


~15 + 3 = 18

Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Seg 25 Jan 2016 - 22:44

O membro 'Luthica' realizou a seguinte ação: Lançar Dados

'D10' : 2, 3, 8, 2, 5, 1, 8, 10, 2, 4, 3, 8, 1, 4, 3, 5, 8, 8


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Luthica
C
C


Feminino
Char RPG : Daryl Cannigan (B)

Naru Jenkins (ex-humana; D)

Elliot Casper von Wright (A)

Euphemia von Wright (A)

Vilhelmina von Wright (A)

Clã von Wright
Posts: : 481
Inscrição : 28/08/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 26 Jan 2016 - 7:26



~ * Vilhelmina



Jourdan retribuiu o sorriso sacana de Lewis, fingindo-se de desentendida apenas porque a conversa tinha sido retomada com o anfitrião. Bastava lhe responder daquela maneira. Ah, como estava se divertindo naquela noite!

Quando foi chamada de bela, colocou uma expressão meiga e lisonjeada no rosto. Realmente, sua criação tinha bons traços, embora não fosse tão imponente como sua forma original. Jourdan tinha aquela carinha de nível inferior de vampiro, mas a fala e elegância de seu eu original.

Quando Sebastian tomou sua mão, um calafrio percorreu seu corpo e ela o observou com profundidade, no fundo da alma. Um misto de surpresa pelo atrevimento com uma diversão genuína. Naquele instante, quase que de forma automática, transportou seus pensamentos para os dele e sua voz ecoaria na mente do rapaz ao mesmo tempo que sairia de se seus lábios naquela simples pergunta:

- Tem certeza?

Um sorriso largo surgiu em seu rosto e ela puxou a mão de volta com delicadeza e aproximou-se um pouco dele, para falar mais baixo:

- Não quer primeiro me pagar uma bebida? - riu, descontraída, falando baixo, encantada com o atrevimento de fazer... aquilo que ela não tinha certeza do que era mas com certeza era perigoso para ela. Será que ele tinha sido bem sucedido? Tinha um certo receito. E tentou captar em seus olhos se ele parecia satisfeito com a tentativa. Novamente afastou-se um pouco, olhando agora os outros dois.


-  Bem, rapazes, nossa conversa está muito agradável e é um imenso prazer conhecer todos. Mas~~ é ainda uma festa, não? Eu irei dançar e aproveitar esta última noite do ano. Estarei bem ali ~ - indicou com o rosto. - Até mais - jogou um beijo no ar e afastou-se do grupo, direto para a pista de dança.


Não estava exatamente fugindo, mas achava agora que era perigoso ficar brincando entre eles e ainda não tinha decidido expor a quatro ventos suas condições. Já estava mais do que ótimo conhecer todos eles.





~ * Naru e Daryl


Naru olhou surpresa para o grupinho de vampiros que a fazia sentir-se mais do que atraída. Vampiros e seu poder de sedução por apenas respirarem... Era incrível.

-  Eu não sabia que até entre vocês tinham coisas como ciúme.
- riu e depois permitiu-se admirar o outro grupo - - Eles parecem de outro mundo, não é!? Não é a toa que é impossível resistir - fez uma pausa. Afinal, ela conhecia bem essa sensação de entregar-se sem o menor esforço a uma pessoa incrivelmente bela. Sua transformação provavelmente tinha  sido assim,  embora não se lembrasse de nada.
- Estar perto deles é ruim, mas ao mesmo tempo é bom... você também sente isso?


Daryl franziu o cenho, afastando em primeiro lugar o rosto, a cabeça para trás para evitar qualquer proximidade. Depois travou o corpo, como se não fizesse a menor ideia de como se dança, de forma reativa.  


- Não vem com esse papo de moncher  - protestou e tentou se desvencilhar bruscamente e olhando para os lados um tanto emburrado, ajeitando a roupa, desconfortável e como quem diz que não estava mais lá quem falou.
Buscou uma bebida no bar, apresentando o cartão. Sua noite seria assim.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dimitri Belikov
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Char RPG : Dimitri Belikov (Vampire C | Guardião)
Christian Ozera (Vampire B | Night Class | NPC)
Posts: : 46
Inscrição : 18/11/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 26 Jan 2016 - 13:44


Essa garotinha estava me provocando, ainda mais quando me abaixou e falou aquilo em meu ouvindo, ela realmente queria mandar minha consciência para o espaço e fazer eu larga tudo aqui e levar ela para casa agora mesmo, pois essa era minha vontade, minha Roza sempre me provoca, ate demais. Olhei para ela, antes de todas aquelas pessoas começarem a chegar perto da gente, e falei em seu ouvido.

- Estou ansioso para isso acabar, tenho uma surpresa maravilhosa para você, depois daqui. - falei baixinho somente para ela ouvir. 

Logo vi Vasilisa, Christian, Selene e um garoto que não conhecia se aproximando da gente, e naquele momento começando a dançar, eu somente ficava em frente a minha Roza, como um post, vendo ela dançar, quando ouvi as palavras de Vasilisa sobre ficar parado como um. Olhei para garota. 

- Não faz meu estilo essas musicas, quando tiver uma que gosto danço com ela, por enquanto somente observo ela dançar. - falei calmamente, olhando para minha Roza, e dando um fino sorriso. 








Não sei por que aceitei dançar com Lissa, só sabia dançar musica lenta e olha lá. estava vendo ela curtir a musica e dançar, quando falou aquilo sobre dançar igual ao carinha que estava junto a Selene, olhei para o mesmo que parecia esta dançando a força e vi que eu não era o único naquele meio, Dimitri também estava da mesma forma. Olhando para Lissa.

- Nem todos são assim, se ele gosta de dançar, deixe ele dançar, eu não curto dançar, então fica de boas, não dançar. - falei calmamente para eles, não curtia mesmo dançar e isso era uma verdade, no máximo musica lenta. 


Dimitri Belikov | 24 anos | Vampire C | Guardian
(*) Christian Ozera (Vampire B | Night Class | NPC)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Syaoran Kinomoto
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Masculino
Char RPG : Syaoran Lee Kinomoto (Vampire C / Night Class)
Sousuke Orion Kinomoto (Vampire C / Artesão)
Humor : Descontraido
Localização : Academia Cross
Posts: : 48
Inscrição : 05/11/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 26 Jan 2016 - 13:52


Olhei para ela, e quase me derreti quando ela disse que gostou de eu ter vindo a festa de fim de ano, isso me deixou tão feliz, tão contente, somente olhei para ela dando um grande sorriso.

- Era para ter chegado mais cedo, mas infelizmente tive uns contratempos. A neve foi um deles. - falei para ela sobre meu atraso.

Naquele momento ouvi as palavras de uma das amigas dela, falando que eu dançava bem, e que os outros dois tinham me que imitar, e que no mesmo momento os outros dois respondiam que não fariam isso, fiquei constrangido e olhei para Selene que me sorriu e falei baixinho.

- Desculpe. Não queria atrapalhar. - falei constrangido para eles. 


Syaoran Lee Kinomoto | 15 anos | Vampire C
Estudante Night Class
(*) Sousuke Orion Kinomoto | 550 anos | Vampire C | Artesão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jack Fry
B
B


Masculino
Char RPG : »Jack Fry Beamount« &»Raziel Klunker«
Humor : Alegre, Extrovertido, Carinhoso e /FromHell xD
Localização : Em seu coração!
Posts: : 693
Inscrição : 06/05/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 26 Jan 2016 - 15:25

Um longo tempo se passou desde que havia descido da cobertura da alta torre no centro da cidade, porém um convite lhe chamou atenção, marcava que havia sido convidado e marcado como VIP para entrada de um, o tal Club FIVE, como já estava destinado a finalmente sair, aproveito a oportunidade e momento para ir lá.
 
Foi ao seu closet e escolheu uma roupa sofisticada, marcante e assinatura sua, pois tendo mil anos de idade a suas roupas possuíam o mesmo estilo, terminado e muito bem arrumado com toda elegância que podia, foi ao elevador.
Imagem Roupa: 
Roupa :
 

Vindo pelo elevador chega ao estacionamento, foi direto ao seu veiculo o Citroen DS 5 com alta potencia, saiu de forma tranquila do estacionamento do prédio. Com o GPS ativo foi sendo guiado pelas ruas e avenidas até o destino, conforme luzes e sons surgiam, assimilava tudo novamente aquele ambiente e atmosfera urbana.

Não era diste o Club da sua morada, encontrou uma vaga e estacionou, trancou e dirigiu-se para o estabelecimento, três guardas na portaria, pegou o caminho VIP já estando com o convite em mãos.

- Bonjour Sécurité! Aqui esta meu convite para o Club FIVE.

Aguardou a confirmação e assim adentrou quando autorizado, já previamente agradecendo aos guardas a liberação da passagem. 
Ambiente já na primeira percepção, impecável, muito bem estruturado e havia bastante gente, muitas luzes e os ânimos nas alturas.

- Ambiente agradável.

Meticulosamente, começou a examinar cada um pertencente no local, vendo se ainda reconhecia um rosto familiar, enquanto faz isso caminhava pelo local admirando as pessoas humanas e vampiros.





Voltar ao Topo Ir em baixo
Rose Hathaway
Recem Criado
Recem Criado


Feminino
Char RPG : Rosemarie Hathaway
Humor : sarcástica
Localização : onde Tohru estiver e/ou com o Dimitri
Posts: : 130
Inscrição : 03/09/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 26 Jan 2016 - 20:04

Rose tornou a se arrepiar com Dimitri falando em seu ouvido,  se encostando ainda mais no gigante. Então se virou com um sorriso malicioso, cheio de promessas, que deixava ele louco.
- Humm...Adoro surpresas... - piscou, tornando a sorrir e continuou dançando pra ele, de forma sensual e provocante.
Selene chegou com Syoran e Lissa praticamente arrastando Christian, cuja atitude, pouco à vontade, em plena pista de dança,a fez rir, pois era idêntica a de seu amado Dimitri.

Ela riu ainda mais com as palavras de Lissa acerca da forma "entusiasmada" (#sqn) de seus namorados dançarem.
-Esses dois não tem jeito não, Lizzy... Mas quem sabe uma música lenta?- deu uma piscada cúmplice para Christian, já sabendo das preferências dele, que não eram muito diferentes das de Dimitri.




"Eles vêm primeiro."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jack Fry
B
B


Masculino
Char RPG : »Jack Fry Beamount« &»Raziel Klunker«
Humor : Alegre, Extrovertido, Carinhoso e /FromHell xD
Localização : Em seu coração!
Posts: : 693
Inscrição : 06/05/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Qui 28 Jan 2016 - 16:31

Com forme caminhava com elegância, notava que estava indo em direção a um local que dava mais acima do Club.

- Área VIP? – Dizia para si enquanto caminhava em direção do segurança – Com licença, este local é para os VIP’s – de forma sutil aguardava a resposta do segurança, logo ele balançou a cabeça sutilmente afirmando e examinou rapidamente Jack e logo liberou o acesso, pois havia percebido que era um VIP - Merci!


Assim subiu para ala mais alta, mesma musica, porém muito mais elegante e sofisticado, existia alguma pessoas, mas não reconhecia, fintou os olhos para o bar e foi em direção.

-  Cosmopolitan Sir!

Imagem Drink:
 

Pegou seu drinque finalizado e foi se  sentar em algum canto livre, calmamente degustava e saboreava aquela bebida vermelha, cruzava as pernas e fecha os olhos apenas curtindo a musica naquele momento.

Fazia tempo que não aproveitava momentos como este de descontrair a mente e aguçar os sentidos, recluso em seu recito o fez perder um pouco de sua humanidade, ainda sentia-se afetado pelos impulsos de se alimentar, porém, como todo nobre vampiro a sua vontade superava esses tipos de situações.




Voltar ao Topo Ir em baixo
fenixmau
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Char RPG : Nikolayev Nightroad (PB)

Benhardt Blackheart / Clayhorn Crowley
Posts: : 3
Inscrição : 15/12/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 29 Jan 2016 - 21:45

 
 
Nikolayev apenas observou as expressões indignadas de Lewis e Jourdan e continuou a ignorá-los. Por enquanto aqueles vampiros não se enquadravam em seu grupo de interesse dele, mesmo que o outro também fosse outro puro.
 
 
- Agradeço muito o convite, por isso vim prestigiá-lo, tanto ao senhor “como” sua filha – respondeu ao anfitrião, sorrindo levemente.
 
 
Logo em seguida olhou para a forma que Sebastian galanteou e beijou a mão da mulher. Não esboçou reação, no entanto pensou que ele poderia ter feito algum galanteio menos barato do que aquele.
 
 
Então logo o vampiro loiro apareceu, o que se apresentou como Charles. De início também o ignorou, até ouvir aquelas piadinhas. Olhou para os puros que faziam aquelas piadinhas, ignorando a mulher já que ela já havia se retirado, e os respondeu de forma suave e com um olhar sereno, apesar da ira crescente dentro de si. Nikolayev odiava ser chamado de baixinho ou de qualquer sinônimo do tipo.
 
 
- Caros colegas, a próxima piadinha sobre a minha estatura vocês saberão o que é o Saara, ao meio dia, dentro do sexto círculo do inferno – ele citou a divina comédia, se referindo cemitério de fogo – E creio que será um “pouco” desconfortável para todos vocês – ameaçou e depois bebeu o restante do conteúdo de sua taça calmamente.
 
 
“É uma pena que esses vampiros não se lembrem do ditado humano: ‘quanto maior a altura, maior é a queda’”, pensou, olhando aqueles dois engraçadinhos de 1,90m.
 
 
- Boa noite, meus caros – cumprimentou polidamente o casal que se juntou a eles – Sou Nikolayev Nightroad – e fez uma mesura a eles, conhecia a reputação da companhia McWolf – Espero que todos compareçam à inauguração de meu cassino, em breve – falou a todos eles, mesmo para os puros que a momentos atrás desdenhavam dele. Mesmo que aquela festa pertencesse ao outro puro, negócios eram negócios e ele tinha que garantir os próprios negócios, e que local melhor para fazer aquilo que uma festa como a que estavam?
 
 
Depois de ter avisado “carinhosamente” ao dois para pararem com as brincadeiras ele havia retomado a sua linha de raciocínio e voltara à sua calma habitual. Permaneceu ali com o grupo, aguardando a reação do loiro e do ruivo diante de suas palavras “gentis”.





"SÉCULOS DE VIOLÊNCIA, CORRUPÇÃO E CETICISMO SEMEARAM UMA SAFRA CRUEL AO REDOR DO MUNDO. 

ESPALHAM-SE AS GUERRAS E O SANGUE DOS INOCENTES É DERRAMADO. 

A MISERICÓRDIA E A COMPAIXÃO SÃO PULVERIZADAS SOB OS CALCANHARES DO EXTREMISMO RELIGIOSO. 

A FÉ É PERVERTIDA PELAS MAQUINAÇÕES DOS POLÍTICOS, SACERDOTES E CRIMINOSOS. 

AGORA UMA TEMPESTADE GRASSA PELO MUNDO ESPIRITUAL E OS PORTÕES DO INFERNO FORAM ROMPIDOS. 

OS ANJOS DO ABISMO ESTÃO LIVRES NOVAMENTE, E O DESTINO DA HUMANIDADE ESTÁ EM JOGO."


"SOMOS IMORREDOUROS. SOMOS ETERNOS."

"ABRE TEUS OLHOS E DESPERTA."


Voltar ao Topo Ir em baixo
Dorii'
SP
SP


Feminino
Char RPG : Sakura Tsukino Ruri Yuriev Caio Trigoli Dante Falleneaves
Humor : O novo prefume da natura ;)
Localização : Na banca de jornal mais proxima de você!
Posts: : 4560
Inscrição : 18/04/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 29 Jan 2016 - 22:20


Dante Falleneaves




Era um pouco incomum isso, admito. Mas agora eu mesmo me pegava entrando naquela boate a qual havia insistido para que Jun fosse. E eu culpo somente ao ócio.

Não que aquela boate fosse exatamente o que eu gosto de fazer nos momentos livre. Mas ter um momento livre, justo nessa noite, me fez pensar o tanto de merda que aquele idiota poderia fazer.

Ele era impulsivo demais e pouco "domesticado". Podia até fazer a "finess" no início, mas no primeiro degrau mais alto ele tropeçava.

Ele já estava mais do que an idade em provar seu valor e, por isso, eu digo: fazer alianças.

Acho que os únicos contatos que ele teve foram das brigas que procurou. O nosso objetivo sempre foi claro, mas para aquela criança insolente parecia que minhas ordens eram apenas enfeites de papel para depois que perdesse a graça serem esquecidos.

Não só em nome do nosso clã, como Murtagh estava fora, mas em nome da minha posição no conselho admito que seria interessante participar da festa, visto que muitos vampiros importantes poderiam comparecer.

Jovens. Apesar de tudo, eles gostavam daqueles lugares. 

Mas para mim, criado em outra época, aquelas casas não pareciam mais que antros barulhentos sem nenhum pingo de diversão.

Ainda me incomodava todo esse adestramento humano que a maioria dos vampiros parecia sofrer, mas por essa noite deveria me contentar com isso.

Entrei na boate, seguidamente mostrando meu convite VIP e entrando na área mais reservada. Aquilo era o mínimo, certamente um agrado do anfitrião pela minha posição dentro do conselho.

Aquela criança já deveria estar pendurada em alguma saia e esquecido completamente tudo o que lhe haviva ordenado, mas minha presença ficou bem clara ali e eu lhe dava um recado: Não desobedeça as minhas ordens.

- Thank you - agradeci um garçom pegando uma daquelas bebidas. 

Uma alcoólica, claro. Jamais encostaria aquele veneno de pastilha em meus lábios. Era domesticação demais. 


Livre para interações.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sab 30 Jan 2016 - 22:03

+ Loran +



Aquela festa poderia ser algo que ele precisasse para se distrair, mas não era algo que no momento ele queria. Havia sido convidado o que implicaria a mais uma obrigação do que diversão.  Assim ele se preparou e esperou por Rose e logo que ela apareceu muito bela e arrumada saíram para a tal boate. Um sangue puro metido a pop star resolverá fincar morada na cidade e queria ver de perto como ele era. Poderia ser mais um aliado? Bom ao menos se não tentasse mata-lo já estava de bom tamanho.

Roupa de Loran:
 
Pouco depois que saíram da mansão Kuran, Raiven dirigia o carro com um outro vampiro Wo Li Rei era da China e se tornará um guarda costa do casal de puros. Rose como sempre não havia gostado da ideia, mas Loran sim e sabia como Li era e o que ele era capaz de fazer um vampiro diferente que sugava energia e isso era bom para se ter do lado.


Pouco tempo chegaram a boate e Raiven saiu e Li também seguindo acompanhando o casal Kuran após entregarem o carro ao manobrista.

A boate estava lotada e Loran olhou a sua volta esperando ao menos encontrar alguém que não fosse chato para conversar caso não ficaria na área vip com Rose e assim que desse meia noite sairiam para voltar a mansão. 

_Tenshi vamos tentar passar essa noite aqui, mas a hora que der meia noite partiremos. 
Ele visivelmente demonstrava insatisfação e não estava com muita vontade de fingir sorrisos e simpatia a ninguém.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D


Última edição por Master em Dom 31 Jan 2016 - 18:29, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Jack Fry
B
B


Masculino
Char RPG : »Jack Fry Beamount« &»Raziel Klunker«
Humor : Alegre, Extrovertido, Carinhoso e /FromHell xD
Localização : Em seu coração!
Posts: : 693
Inscrição : 06/05/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Dom 31 Jan 2016 - 10:25

Confortavelmente sentado, percebia a movimentação, seus sentidos mesmo com a musica estava apurados, a bebida ajudava a manter o corpo não-vivo a pulsa, estava satisfeito pelo drinque muito bem feito, por que não tomar outro? Assim o fez, levantou e foi em direção ao barman...

- Excusez-moi Barman! Me veja mais um deste delicioso Cosmopolitan que fez, estava Splendide! -

Finalizado e o pegou, virou-se e logo nota uma presença familiar, Loran, não era de se imagina alta classe vindo, mas pelo visto não é o único que precisa de distração, encostado no bar aguardou a movimentação daquele cujo é líder na mansão Kuran, aguardou pacientemente e eis que abordou com toda educação cordial que lhe foi ensinada perante pessoas importante.

- Senhor Loran Kuran, e sua amanda Rose Valentaine, estou certo? - Dizia indagando, pois Jack estava já um longo periodo em seus aposentos e recluso do mundo! Apenas cuidado do Business. Após a possivel confirmação estenderia a mão para comprimentar.




Voltar ao Topo Ir em baixo
Dark_Rose
B
B


Feminino
Char RPG : Rose Valentine (PB)
Lara Kapetine (Hunter)
Humor : Incompreesível
Localização : Inglaterra
Posts: : 663
Inscrição : 06/09/2008

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Dom 31 Jan 2016 - 18:54


Rose chega à boate com seu noivo, ela também estava desanimada com a situação, mas como a etiqueta que fora forçada a ter desde pequena, sabia disfarçar a má vontade de estar no lugar. Já bastava Loran de mau humor desde o ocorrido com sua sobrinha.
Mas sabia que ele iria disfarçar ao máximo, ou ao menos tentaria.
 
Ela vestia um vestido preto curto, simples, mas que destacava a avidez da pele os cabelos permaneciam soltos sem qualquer adereço.

Rose:
 
 
 
Ela tentava ignorar tanto a presença de Raiven quanto do Wo Li Rei, mais um para ficar a perseguindo quando ela resolve sair. Até mesmo sozinha. O que a irritava profundamente. Nem seu pai fazia isso com ela quando era criança e toda a família era caçada.
 
- Quando você quiser iremos. Estou tão animada quanto você aqui.
 
Logo em seguida ela percebe alguém se aproximando e se vira em direção a ele suavemente pela curiosidade. Ela o olha analisando-o, não o conhecia então provavelmente poderia ser apenas mais um bajulador da realeza.
Vendo-o se apresentar e a reconhecer ela acena com a cabeça mantendo-se calada e apenas observando o comportamento de seu noivo.


Lara Kapetine
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Seg 1 Fev 2016 - 15:48

+ Loran +


Ele tentava disfarçar a expressão chateada, afinal tudo parecia acontecer ao mesmo tempo com ele e os problemas costumavam procurar mesmo não querendo, mesmo detestando isso... Afinal de contas o que aqueles vampiros queriam? Poder? Grandes coisa pensava consigo, quando pegou as taças de bebida para si e Rose, entregando em seguida.

_Faremos isso assim que der meia noite.

Obeservava todo o lugar, seria certo ele cumprimentar o anfitrião da festa por educação e cordialidade, até mesmo para cativar mais um aliado, mas aquela noite em particular não estava com animo para fazer tal protocolo de etiqueta da realeza.

Mas era certo que os vampiros no lugar iriam até ele, assim que chegou muitos se curvavam para ele e Rose quando eles passavam e não demoraria muito que um deles chegassem perto... foi o que ocorreu.

O vampiro muito elegante e de fala educada se apresentou e Loran olhou-o por um momento sem muita atenção, mas por algum motivo após olhar novamente foi chamado atenção, já que havia visto-o de algum lugar. Loran estende a mão para receber o aperto dele e sorrir rápido.

_Senhor seria?... Engraçado acho que o conheço de algum lugar...

Loran tinha essa sensação, mas era melhor perguntar antes para não cometer uma gafe.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Jack Fry
B
B


Masculino
Char RPG : »Jack Fry Beamount« &»Raziel Klunker«
Humor : Alegre, Extrovertido, Carinhoso e /FromHell xD
Localização : Em seu coração!
Posts: : 693
Inscrição : 06/05/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 2 Fev 2016 - 9:26

º:. JACK FRY BEAMOUNT .:º


Apos comprimenta-lo, Jack até solta pequeno sorriso pelo fato de Loran o conheçer de uma vaga lembraça no passado, mas não o culpa pela situação, até por que quem se isolou do mundo foi o próprio Jack.
Smile:
 

- Admiravel ainda ter a sensação de me conhecer – Dizia o elogiando devido ao estado atual, uma breve pausa dramatica apenas para incrementar o clima – Sou Jack Fry Beamount, Nobre Frances e Ex Aluno da Antiga Academia Cross, eu me recordo de você daquele lugar. - Dizia apenas as boas lembraças, mas era nitido em seu rosto que existia um desconforto perante aquele lugar, talvez os acontecimentos que houveram ainda estão presentes em seu subconsciente. - Prazer! - finalizava com toda eduação possível.

Esperava atentamente uma resposta de Loran, não esperava muito, mas aguardava, enquanto isso percebia que ambos estavam certamente incomodados ou desanimados estando num ambiente como aquele, principalmente a bela moça cujo nome é Rose.




Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 2 Fev 2016 - 20:22

+ Loran +


Ele sorriu ao Vampiro que se apresentou.

_Beamount-san, prazer ... Antiga Academia?! Realmente frequentei, mas foi por pouco tempo. - Ele observava aquele puro, tinha realmente algo nele, mas preferiu somente manter na observação. _E voltou para Academia agora? Ou somente está de passagem?

Loran sabia que com a vinda dele e assumindo o comando dos vampiros muito da nobreza de toda parte viria aquela cidade, precisava reunir aliados, mas aquela noite em particular não estava mesmo com vontade de fazer a linha de cortes para ninguém, se viessem conversar falaria caso contrário esperaria a meia noite e iria embora.

Precisava encontrar o anfitrião e fazer os cumprimentos por educação já que receberá o convite, olhou para Raiven que prontamente se aproximou.

_Localiza o sr Sebastian, faça-me esse favor Raiven.

_Certamente Loran-sama - ela se curvou e saiu andando entre os convidados para encontrar o local onde o anfitrião estaria.

Loran sorriu para o puro e ficou ali ouvindo falar.

_O que tem achado da cidade Beamount-san?

Conversar aleatória para passar o tempo. Deu uma leve piscada para Rose, sorrindo e passando o braço na cintura dela ao menos ela estava ali com ele.

++++++ * ++++++

+ Layla / Adrian + Daniel +

O trio de hunter chega aquela boate, Daniel havia conseguido convites e agora estavam prontos para entrar no local.




_Eu ainda acho que esse vampiro vai dar trabalho, ele não vai concordar. - Layla estava pessimista quanto aquele plano.



_Vamos tentar ao menos, se der errado essa festa no mínimo irá ficar mais agitada rs - Daniel estava com um leve sorriso despreocupado



_Não me leve a mal irmã, mas tentarei de tudo, afinal nos pagaram e precisamos de algo concreto para aqueles nobres, certo? - Adrian olhava o ambiente procurando o vampiro.

Daniel olhava todo o ambiente e com as luzes oscilando ao som da música ele pode ver ao longe a vampira que havia levado a boate Amadeus, deu um leve sorriso de lado, assim que der e se ela ainda estiver na boate irá lhe desejar feliz ano novo, mas agora seria a missão.

Layla avistou logo que chegaram a área vip dos vampiros, a jovem Lilian que estava acompanhada por um vampiro que eles não conheciam.

_A filha dele está ali, Adrian... Ele deve está por perto, vou ficar por aqui enquanto vocês se aproximam.
-Layla fora para o bar pegar uma bebida e ficou dali observando, não estava nem um pouco afim de olhar na cara daquele vampiro.

Eles olharam para ela e concordaram, Layla é cabeça quente e se o vampiro a irritasse provavelmente não conseguiriam nem atenção dele.

Logo que conseguem entrar na área vip com os passes que Daniel conseguira, Adrian se aproximou de Lilian e tocou de leve no seu ombro afastando para esperar que ela o visse, estava com seu sorriso gentil e olhar amigável de sempre.

_Srta Lilian... Quanto tempo?!

Daniel ficou ao lado esperando, apenas para garantir que tudo correria bem.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Fabi
SP
SP


Feminino
Char RPG : Nero Sorel (B)

Lillian (Lily) Sorel (B)

Órion Sorel (B)

Lewis S. Murdock (A)

Lucius Sallazar (A)

Leon Gianni (Hunter)



Humor : Sei lá
Localização : Rio de Janeiro - Brasil
Posts: : 1389
Inscrição : 06/09/2008

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Ter 2 Fev 2016 - 20:45

 
 
 
Lewis simplesmente nem se interessou em prestar atenção no que Charles e Sebastian estavam conversando. Aproveitou o momento para olhar ao redor e ver que tipo de gente estava ali. Como era de se esperar haviam muitos vampiros nobres. Os humanos ali... bem, provavelmente eram comida e nada mais, não o interessava saber. Mas ele estava surpreso com a quantidade de puros em um só lugar. Havia alguns outros puros perdidos pelo salão que ainda não haviam se apresentado, pareciam envoltos em seus próprios interesses. Ignorou. Era menos gente estranha com que ele teria que fingir ser cordial.
 
 
Voltou a olhar o anfitrião quando notou que Sebastian estava falando com ele e deu um leve sorriso de lado.
 
 
- Sim, já conheço Charles há um tempo... Já fomos colegas de classe em outra academia... Já estou acostumado a aturar ele – brincou – Mas não estou muito afim de passar a noite inteira ao lado de um marmanjo, não – sorriu sacana e olhou Charles de lado. E fez a conhecida expressão a ele de “a menos que seja para aprontar alguma coisa”.
 
 
Então prestou atenção no comportamento de Sebastian e Jourdan. Aquilo fora bastante peculiar. O diálogo fora bastante suspeito. Teria ele tentado fazer algo? Provavelmente. Mas pelas atitudes dela, parecia que a vampira estava tentando esconder alguma coisa também. Aquelas palavras e depois uma retirada estratégica, ao que parecia ser, só comprovavam que ela tinha alguma culpa no cartório. Aquilo só atiçou mais a curiosidade em saber porque aquela mulher o deixava com uma pulga atrás da orelha.
 
 
Mas antes que pensasse em algo mais, seus pensamentos foram interrompidos por um casal de nobres que ele não fazia idéia de quem eram. Analisou o homem, com aquele excesso de cordialidade e fez pouco caso dele. Muitos vampiros se aproximavam de puros com aquele tipo de cordialidade como se tentassem conquistar a sua atenção e bajulá-los para ganhar favores em troca... E Lewis não dava a mínima para aquilo.
 
 
McWolf, ele havia dito?... Não, continuava sem fazer idéia de quem ele era. E ainda não estava interessado em descobrir. Já a senhorita que estava com ele... Lewis a olhou descaradamente de cima a baixo. Até que ela não era de se jogar fora, mas parecia esnobe demais. Achava as que pareciam menos maduras mais interessantes... como aquela nobre e sua provável lacaia que haviam olhado para os puros a momentos atrás. Olhou-as dando um sorriso de lado e depois voltou a atenção ao casal. Tinha que fingir ter um pouco de educação e se apresentar também.
 
 
- Lewis Sallazar Murdock – se apresentou e tomou um gole da bebida.
 
 
Então o baixinho os ameaçou polidamente. Lewis não pode deixar de rir. Ah, então ele ficava com a cabeça quente com aquilo? Era bom saber. O ruivo achou interessante o projeto de gente revidar as brincadeiras deles ao invés de só ignorar como muitos fariam. Aquilo o deixava com mais vontade de perturbá-lo.
 
 
- Não, obrigado, não estou afim de ganhar um bronzeado – ele riu baixo. Então o ouviu convidar a todos para uma tal inauguração de cassino – Fico surpreso que tenha conseguido montar um negócio desse tipo com essa cara de criança – ele comentou, mesmo sabendo que era bem provável o vampiro ser bem mais velho do que ele. Afinal, Lewis tinha quase certeza de que era o caçula daquele grupo ali conversando.
 
 
Então sentiu duas presenças fortes de outros puros, mas estas pareciam familiares. Olhou na direção e observou Loran chegando com uma moça ao lado dele. Ele lembrava vagamente daquela vampira, já que naquela época pouco convivia com a turma noturna graças ao maldito selo de Leon que o tornava quase humano, mas um Kuran era difícil de esquecer. Principalmente sendo o “principezinho” da família.
 
 
Eles estavam com caras de poucos amigos e não pareciam interessados em se socializar, então ele que não iria até o casal e o outro puro para se apresentar. Não tinha a mínima vontade de ir ficar babando ovo da realeza como a maioria dos presentes ali teriam.
 
 
 
 
 
 
 
 
Lily riu quando a menina comentou que não sabia que existia ciúmes entre os vampiros.
 
 
- Podemos sentir tudo que os humanos sentem, e com muito mais intensidade. Isso as vezes pode ser um problema, pois somos imortais. Por isso, quando um vampiro ama, pode ser para sempre, mas quando ele odeia... Bem, não queira ser alvo do ódio de um vampiro, aquela história de que o tempo tudo cura não costuma funcionar com a gente.
 
Ela voltou a admirar o outro grupo discretamente, não queria que Daryl visse e ficasse com ciúme daqueles puros... lindos...
 
 
- Sinto... eles atraem a gente... mas são assustadores ao mesmo tempo quando querem... é melhor mantermos distância – falou cautelosa a Naru.
 
 
Enquanto ainda olhava, o ruivo do grupo olhou na direção delas e deu um sorriso malicioso para as duas. Lily arregalou os olhos e corou imediatamente. Que porcaria de olhar e sorriso era aquele? Ela sentiu um calafrio tanto pela atração daquele puro quanto pelo medo do que ele poderia fazer se se mostrasse interessado nelas.
 
 
- Vamos – ela puxou Naru e a tirou de perto para o outro lado do salão.
 
 
Mas de repente alguém tocou em seu ombro e ela se virou, esperando que não fosse aquele puro que havia sorrido para ela. O quão grande não foi a sua surpresa quando viu quem era.
 
 
- Adrian?!  
 
 
A menina olhou incrédula de vê-lo ali, depois de tantos meses. Sorriu de volta para ele e o abraçou pelo pescoço sem cerimônias. Depois o soltou, sorrindo.
 
 
- O que está fazendo aqui? Jamais esperaria te encontrar – ela o olhou de cima a baixo, apoiando as mãos em seus braços – Você está bem? – olhou preocupada – Eu sinto muito por aquela noite... – murmurou – Mas fico feliz em ver que está inteiro... – ela sorriu e retirou as mãos dos braços dele.
 
 
Olhou a outra menina que estava com ela e os apresentou.
 
 
- Essa é minha amiga Naru. Naru, esse aqui é o Adrian, er... – ela o olhou receosa, não sabia como descrever o que ele era para Lily – Ele é um velho conhecido – coçou a cabeça sem jeito.
 
 
 
Nero viu Daryl se afastar dele com medo de que o ruivo se aproximasse mais dele e depois travar o corpo. O mais velho o soltou quando o jovem tentou se desvencilhar, enquanto gargalhava devido as reações dele. Sua fala o fez rir ainda mais e Nero se apoiou no balcão enquanto Daryl pegava a bebida no bar.
 
 
- Ué, se você quer brincar comigo tem que estar pronto para as minhas respostas, genrinho querido – ele sorriu maliciosamente para Daryl e riu, lambendo os lábios para irritar ainda mais o outro.
 
 

Por sorte ainda não havia notado Layla ou Adrian, mas quando notasse... 




Voltar ao Topo Ir em baixo
Jack Fry
B
B


Masculino
Char RPG : »Jack Fry Beamount« &»Raziel Klunker«
Humor : Alegre, Extrovertido, Carinhoso e /FromHell xD
Localização : Em seu coração!
Posts: : 693
Inscrição : 06/05/2009

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Qui 4 Fev 2016 - 8:26

º:. JACK FRY BEAMOUNT .:º


Havia uma movimentação no local devido a chegada de Loran, natural, alguém de tal presença como puro sangue influencia a muitos, mas presentando atenção em Loran Kuran, logo o respondia finalizando sua bebida!

- Exato! - Também sorriu de forma cordial e logo respondeu – Entreprise, Business, Senhor Loran, meu tempo como academico se foi a tempos! Assuntos de família agora são os que mais tomam tempo não acha?

Assim que finalizava percebia que Loran buscava alguém, chamou sua guardiã, lhe deu uma ordem e assim ela partiu, logo percebe uma pergunta aleatória a respeito de algo que Jack não via muito tempo.

- Boa pergunta, até o momento linda como sempre, entretanto este e o local mais longe que fui. - Desviando o olhar de Loran por questão de segundos percebendo a chegada de hunters, fazia tempo que não sentia presenças como aquelas, confirmada a sensação retorna a falar, concluído o que começou. - Serei sincero, sai somente por que lembranças de um passado inundaram a minha mente! Fiquei sabendo da reabertura da academia.

A movimentação na área vip aumentou, a presença dos hunters naquele local e praticamente um teste para a humanidade de Jack, mas controlado não deixava transparecer, sorrindo ainda gentilmente vendo afeição de Loran pela Rose e logo Jack pergunta. - Estão casados ?




Voltar ao Topo Ir em baixo
Luthica
C
C


Feminino
Char RPG : Daryl Cannigan (B)

Naru Jenkins (ex-humana; D)

Elliot Casper von Wright (A)

Euphemia von Wright (A)

Vilhelmina von Wright (A)

Clã von Wright
Posts: : 481
Inscrição : 28/08/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Qui 4 Fev 2016 - 9:39



~ * Naru e Daryl


Naru arregalou os olhos com a explicação de Lily, pensando na possibilidade de ser odiada por um vampiro. Por isso tinha que se comportar muito! Concordou com a cabeça, olhando em volta sentindo um tipo de paralisia, mesmo que alguma coisa dissesse que definitivamente o olhar não tivesse sido para ela. Corou junto e não sairia do lugar se não fosse o puxão de Lily, mesmo com um fascínio esquisito e uma forte sensação de que tinha algo muito errado.

Fugiu com ela, mas parte de si desejava ter sido sempre uma vampira para poder agir naturalmente com eles. A outra simplesmente queria ir para casa. Quando achou que estavam livres, Lily era surpreendida novamente. Naru assustou-se. Sentia-se um verdadeiro ratinho que serviria de jantar para todos. Mas ele.. era diferente.


- A-ah.. O-ola. Eu... sou Naru! Boa noite... - cumprimentou numa reverência respeitosa.
Sua mente estava enevoada demais pela vergonha para se preocupar inicialmente sobre de onde ela conhecia. Mas queria muito saber quem era aquela pessoa para identificar se deveria ter medo ou não.

Enquanto isso, Daryl emburrou-se no balcão e bebeu um pouco.

- Tudo bem, mas você não pode só não ser esquisito? - criticou em um tom tentando encerrar a conversa e deixar de ficar desconfortável. Assim, discretamente, fingiu olhar o ambiente, mas na verdade estava procurando por Lily. Em um primeiro momento, não encontrou, e tentou convencer a si mesmo que estava tudo bem, que deveria ser tranquilo e deixar a garota se divertir em paz.

Mas onde diabos ela estava? Não, nada disso. Tinha que fingir ser uma criatura bem normal e tentar não ser grudento. Bebeu um pouco mais, para não pensar a respeito.

-  Esse é aquele momento que eu preciso saber: tenho que me preocupar com alguma coisa hoje? - referia-se a qualquer tipo de trama de conspiração daquele antro de problemas que Nero tinha se metido e sobre proteger sua doidinha. Talvez fosse só uma desculpa para sair procurando a vampira fingindo não ser em nome do ciúme.



~ * Casper


Casper chegou na festa de inauguração e de fim de ano sendo observado por pessoas aleatórias na fila que não conseguiam entender por que um garotinho com cara de 10 anos estava em uma balada nessa hora da noite.
Ele achava especialmente divertido que os outros o olhassem e então chegou para um dos seguranças, mostrando seu convite.
Com um sorriso no rosto diante de uma expressão confusa do homem de terno, Casper fixou-se nele, com seu poder influente de sangue puro.


- Deixe-me entrar, por favor


Sem mais explicações, a porta estava aberta para ele. E automaticamente as pessoas poderiam achar absurdo ou que ele era simlpesmente filho de alguém. Não importava muito.

Lá dentro da festa, Casper começava a se desviar das pessoas com seus incríveis 1,50 m de altura e aparência de criança de 10 anos.  

Lá dentro, ele tinha um objetivo claro como em qualquer lugar social que tivesse. O puro sangue baixinho era conhecido ao menos pelo seu nome, como sendo um ser bondoso que fazia caridade a humanos e possuía uma rede de hospitais.

Viu que o anfitrião da festa estava rodeado de pessoas, então achou melhor optar pelo líder deles.

Ao avisar o casal Kuran, Casper aproximou-se ajeitando as roupas e chegou ao lado do outro vampiro (Jack Fry), como se esperasse sua vez.

Abriu um largo sorriso educado.
-
- Boa noite, senhores! Boa noite, senhor Kuran e senhorita Valentine. Eu sou Elliot Casper von Wright e sinto-me muito honrado!


Referência das roupas:
 



~ * Vilhelmina


Jourdan (Vilhelmina) dançava na pista lançando alguns olhares para o grupo que tinha abandonado. Que arrependimento sentia ao ver que novas pessoas se aproximavam. Tinha perdido uma oportunidade por aquele comportamento arisco. Mas talvez fosse prudente.
Então parou para sorrir largamente. Mais e mais puros apareciam naquele lugar, inclusive o líder deles. Era incrível!
Como quem não quer nada, ela foi andando até poder ficar perto do casal Kuran (Loran e Rose) e o outro vampiro que ali estava (Jack Fry). Não estava realmente querendo conversar, mas queria observar de perto como se relacionavam e ouvir a conversa, apenas por diversão.

Vilhelmina, que estava por perto quando seu sobrinho apareceu, cobriu a boca com a mão, teatralmente em surpresa, mas estava "fora de cena", então apenas ficou por lá observando.
Pegou rapidament euma bebida e escondia seus sorrisos loucos entre goles. Então agora sim estava muito interessante.

Seus olhos continuavam arregalados e ela tinha vários flashes na cabeça.

Por que sentia algum tipo de medo?

Afastou-se um pouco enquanto sentia um mix de sensações estranhas, mas nunca tirou o sorriso do rosto.

Aproximou-se do balcão de bebidas mais uma vez e começou a gargalhar, como se estivesse muito bêbada. Mas na verdade, estava era muito louca
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sebastian A. Walker
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Masculino
Char RPG : Sebastian Ares Walker (Vampire PB / Vagante/ Musico)
Richard Wilson (Vampire B | Musico | NPC)
Tomo MIlicents (Vampire B | Musico | NPC)
Humor : Incostante / Caotico
Localização : Em algum lugar do mundo...
Posts: : 20
Inscrição : 15/12/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 13:48


Eu ira internamente meus planos não tinha tido existo, mas não era um problema, eu adorava provocar isso, e pude ter certeza naquele mesmo momento que aquela garota não era uma pessoa normal mesmo isso já me deixava mais excitado em saber disso. Vi ela sorrindo e saindo de perto, quando também vi a aproximação de Angel e Norman novamente, como sempre ele querendo algo, nada disse apenas olhei para ele e vi Lewis logo o cumprimentar. 

Senti então a presença de mais outro sangue puro, dessa vez olhei em volta disfarçadamente, e percebi que ainda não era aquela pessoa. Ao meu lado estava Charles, Lewis, Nikolayev, Norman e Angel, já que Jourdan resolvei sair de perto de nossa presença, uma pena. Logo em seguida eu senti outra presença de dois sangue puros, era eles, pela fotos e não iria me esquecer jamais de suas aparências, finalmente eles tinha chegado. e estava conversando com aquele outro sangue puro que tinha sentido. Dando um fino sorriso para meus convidados. 

Vi a aproximação de Rick, que falou baixinho em meus ouvido algo sobre a surpresa vinda de minha doce pirralha, bem, olhei o relogio e vi que estava na hora, eu seria depois do ano novo. então estava de boa. Dando um sorriso para as pessoas ao meu redor. 

- Espero que apreciem o que vai rolar daqui a pouco. - falei calmamente para as pessoas a minha volta. antes de falar baixo com Rick, e ele sair. - Uma pequena coisinha que preparamos para essa noite. - disse sorrindo  para eles. 

Como sempre estava sendo amigável tinha que ser, queria chamar aquela pessoa para vim se encontrar em nosso pequeno grupo, mas achei que não seria uma boa ideia, ter pessoas perto demais. Logo sinto a presença de outro sangue puro, e vejo um pequeno anão de jardim andando pela boate, sabia quem era, tinha as informações de cada um deles comigo, quando enviei os convites somente não esperava que ele viesse. 


Sebastian Ares Walker | 840 anos | Vampire Pure Bloody
Vampiro Vagante / Musico profissional / Idol Vampírico
(*) Richard "Rick" Wilson (Vampire B | Musico | Compositor | NPC)
(*) Tomo Milicents (Vampire B | Musico | Compositor | NPC)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Andrômeda A. Walker
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Feminino
Char RPG : Andrômeda Athena Walker (Vampire B | Musica | Night Class)
Milli Muniz (Vampire B | Gerente | Empresaria | NPC)
Jane Watson (Vampire D | Assistente | Secretária | NPC)
Humor : Incostante / Caotico
Localização : Em seus sonhos...
Posts: : 20
Inscrição : 23/12/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 14:19


Andy olhava para as três pessoas ao seu redor. Uma humana, uma pessoa que não sabia o que era, um vampiro puro sangue, e mesmo assim dava pequenas risadas internamente, ela como sempre adorava momento como aquele sabendo que sempre seria algo inusitado e sempre do jeito que ela mais gostava. Dando um fino sorriso ouvia as palavras das duas garotas, e como sempre Junes silencioso, não ligou. 


- Junes é um conhecido meu, nada mais do que isso. - falei dando um sorriso meio que simples demais para isso, sua atenção estava voltada para a albina.


Naquela hora Milli chegou perto dela falando baixo em seu ouvido sobre o que estava na hora de acontecer, ela por sua vez somente suspirou deu um sorriso e olhou para os três. 


- Desculpas, coisas que necessitam minha atenção nesse momento, em breve estarei novamente com vocês, isso é senão se importarem com minha presença. - falou ela sendo cordial de um jeito descarado, ela estava de olho naquela albina. - Junes, por favor faça companhia para as moças por gentileza, assim fica mais facil de encontra-las depois. - disse ela dando um sorriso e e fazendo com a mão sobre a altura, por ela ser baixinha e ele ser alto. - Com licença. - falou ela se despedindo dos tres com um aceno de cabeça. 


Assim que ela saiu de perto, foi em direção ao enorme palco que tinha na boate, que era para a banda, enquanto tocava as musicas normais, ela somente observava todos se arrumarem, enquanto ela pegou o microfone, que já estava testado antes de começara a festa para nada dar errado. Então a musica parou, e a banda começou a tocar na mesma hora, eu apenas segui no mesmo ritmo, não se apresentou não falou nada, somente deixava soar sua voz pela boate toda.



Smile
Avril Lavigne


Você sabe que eu sou uma vadia louca
Faço o que eu quiser quando sinto vontade
Tudo que o que quero fazer é perder o controle
Mas você não está nem aí
Você vai, se você for, se você for na onda
Porque você é um louco do caralho por Rock 'n' Roll


Você disse "Ei, Qual é o seu nome?"
Bastou um olhar e agora nós não somos mais os mesmos
Sim, você disse "ei" e desde aquele dia
Você roubou meu coração e você é o único culpado


E é por isso que eu sorrio
Já faz um tempo
Que todos os dias e tudo
Parecem tão certo
E agora você dá a volta por cima
E, de repente você é tudo que eu preciso
A razão pela qual eu sorrio


Na noite passada eu desmaiei, eu acho
O que você, o que você colocou na minha bebida?
Me lembro de dar uns amassos e depois, oh, oh
Acordei com uma tatuagem nova
O seu nome estava em mim e o meu estava em você
Eu faria tudo novamente


Você disse "Ei, qual é o seu nome?"
Bastou um olhar e agora nós não somos mais os mesmos
Sim, você disse hey e desde aquele dia
Você roubou meu coração e você é o único culpado


E é por isso que eu sorrio
Já faz um tempo
Que todos os dias e tudo
Parecem tão certo
E agora você dá a volta por cima
E, de repente você é tudo que eu preciso
A razão pela qual eu sorrio
A razão pela qual eu sorrio


Você sabe que eu sou uma vadia louca
Faço o que eu quiser quando sinto vontade
Tudo que o que quero fazer é perder o controle


Você sabe que eu sou uma vadia louca
Faço o que eu quiser quando sinto vontade
Tudo que o que quero fazer é perder o controle


E é por isso que eu sorrio
Tem sido um tempo
Desde todos os dias e tudo
Parecem tão certo
E agora você ligá-lo ao redor
E, de repente você é tudo que eu preciso
A razão pela qual eu sorrio
A razão pela qual eu sorrio



A razão pela qual eu sorrio


Andrômeda Athena Walker | 17 anos | Vampire B
Cantora / Idol Vampírico / Night Class
(*) Milli Garcia Muniz (Vampire B | Gerente | Empresaria | NPC)
(*) Jane Liwne Watson (Vampire D | Assistente | Secretária | NPC)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Norman McWolf
Recem Criado
Recem Criado


Masculino
Char RPG : Norman McWolf (Vampiro B / Nobre / Empresário)
Gabriel Mostif (Vampiro C / Servo / NPC)
Anabelly Finningan (Vampiro C / Secretária / NPC)
Humor : Incontrolavel
Localização : em algum lugar da casa.
Posts: : 56
Inscrição : 27/10/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 15:05


Como eu posso dizer, sempre fui cara de pau, e ainda mais agora, tinha que usar a influência daquele idiota do Sebastian para alguma coisa para mim não? Bem era isso que eu estava fazendo, e ia continuar a fazer. Vi que um deles se apresentava, o outro eu ja conhecia, mas um que estava ali não sabia quem era. Dando um fino sorriso para todos ali presentes. Ouvi as palavra dele, mostrando que finalmente iria ter alguma coisa ali além da musica alta.

Não demorou muito, e logo vejo no palco a filha dele, como sempre a garota estava com uma roupa espalhafatosa, e cantava sempre com uma boca suja. Agora entendia por que minha filha gostava daquela garota, por causa das coisas que ela falava, sem sentindo muitas vezes, mas eram coisas de adolescentes. Aproximei Angel de mim e falei em seu ouvido.

- Isso é o que nossa filha escuta, e não podemos reclamar. - falei baixinho para ela.

Sim, eu estava sendo chato quanto a isso, não ligava para o que minha filha ouvisse, sendo se se portasse como a mãe, estava de bom tamanho para mim. Dando um sorriso falso para as pessoas continuava a escutar a musica que a garota parecia empolgada em cantar.


Norman McWolf | 435 anos | Vampiro (Vampire B)[size=15]
Nobre | Empresário | Playboy | Milionário | Filantropo
Conde de BlackMoon

(*) Gabriel Mostif | 465 anos | Vampire C | Assistente Pessoal[/size]
(*) Annabelly Finningan | 130 anos | Vampire C | Secretária
Voltar ao Topo Ir em baixo
Angel D'Angelys
Recem Criado
Recem Criado


Feminino
Char RPG : Angel D'Angelys (Vampira / Professora)
Humor : Inconstante...
Localização : Onde menos se espera.
Posts: : 68
Inscrição : 25/10/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 15:23



Angel somente observa as pessoas, sem falar um nada desde 
que cumprimentara as mesma a alguns segundos atrás, ela viu 
a cara de Sebastian para Norman, mas nada falou, apenas
suspirou baixo, e viu os outros se apresentando, um deles 
seu aluno, nada disse, sabia que ali nada adiantaria falar sobre
isso, idade de vampiro sempre era uma incógnita. 


O ruivo a olhou, e ela sentiu o olhar, mas nada disse, vendo que o
mesmo parecia achar ela superficial demais, ela deu uma risada em 
sua mente lembrando que era sempre uma gracinha quando isso 
acontecia, somente por causa de seu porte de uma dama da sociedade
era sempre assim. Pela cara já dizia tudo. 


Quando Sebastian falou que tinha uma pequena surpresa que ia acontecer
justo agora, ela nada disse apenas observou, quando viu no palco a jovem
garota que tinha visto antes no começo da festa, pelo que parecia ela cantava
e estava cantando uma musica muito louca na qual ate mesmo Norman, falou
em sua cabeça sobre isso, ela olhou para ele. 


- Sua filha e bem ecletica, mas adora essa garota, então não reclame. - falou 
ela baixo somente para ele, de forma a fazer ele ficar quieto. 


Angel sabia como fazer ele baixar a bola ele como sempre, quando
o mesmo estava querendo começar uma das suas. Dando um sorriso.
Ela continuou a escutar a musica. 


Angel D'Angelys / 350 anos / Vampira (Vampire B)
Professora de Treinamento de combate.
Condessa de BlackMoon
Voltar ao Topo Ir em baixo
Selene D'Angelys
Recem Criado
Recem Criado


Feminino
Char RPG : Selene D'Angelys (Vampira B / Night Class)
Alicia Sophy D'Angelys (Vampira B / Socialite / NPC)
Humor : Alegre
Localização : Academia Cross
Posts: : 66
Inscrição : 05/11/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 15:41



Selene estava empolgada na pista de dança junto com todos e dançando e conversando alto por causa da musica. Ela sorria para todos e aproveitava a musica que rolava, e se divertia cada vez mais, e aproveitava esses momentos para se divertir mais ainda com as musicas. 


Quando ela viu a musica parando e no palco Andrômeda, ela quase teve um ataque do coração, quando ouviu a mesma começara a cantar. Ela pulou no ritmo da musica que ela já conhecia e dava mais um grande sorriso enorme para as pessoas. 


Ela não pensou duas vezes e como muitos dali que conheciam a musica, na parte do refrão ele cantavam alto e em bom tom os humanos deveriam ter ficado surpresos por ela cantar, mas os vampiros estavam a mil cantando a musica dela. Ela se segurava em Syaoran, onde o mesmo era puxado para as musicas que cantava junto com ela. dando um enorme alvoroço. 




And that's why I smile
It's been a while
Since everyday and everything
Has felt this right
And now you turn it all around
And suddenly you're all I need
The reason why I smile




- The reason why I smile - dizia ela cantando em bom tom junto com a musica que rolava, nunca achou que iria ver um Show dela ao vivo, e isso era demais. Agora tava vendo ela cantar, ela era demais. 


Selene Luna D'Angelys McWolf | 15 anos | Vampire B
Nobre | Estudante - Night Class

(*) Alicia Sophy D'Angelys | 758 anos | Vampire B | Socialite
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vasilisa Dragomir
Não morda, Novato!
Não morda, Novato!


Feminino
Char RPG : Vasilisa Dragomir (Vampire B | Realeza | Night Class)
Tatiana Marina Ivashkov (Ancião / Queen USA / NPC)
Humor : Alegre / Esnobe
Localização : Academia Cross
Posts: : 24
Inscrição : 25/12/2015

MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Sex 5 Fev 2016 - 15:51


Lissa estava dançando com Christian as musicas que passavam por ali, cada uma mais empolgada que a outra e todas em sua versão remix, ela por sua vez estava adorando dançar, quando ouviu a musica parar e sentir algo no ar, quando menos pensou algo estava tocando, totalmente diferente do que ela tinha ouvido, ela olhou para Selene, e logo em seguida para o palco, então percebeu que tinha uma cantora no palco, que era Andrômeda, e que naquele momento começava a cantar.


- Isso que é surpresa boa, olha isso Rose. Andrômeda Walker vai cantar para a gente. - falou ela para a amiga, e naquele momento já entrava na ritmo da musica.


Viu que Selene estava mais empolgada do que tudo e nada disse, somente se empolgou junta puxando Christian para dançar junto contigo. Estava muito louco essa parada e estava adorando ainda mais vendo a empolga de selene ao cantar junto. Ela cantava junto também e adorava aquele som.


Vasilisa Sabina Rhea Dragomir | 17 anos | Vampire B
Realeza "Princesa" | Night Class
(*) Tatiana Marina Ivashkov (Ancião / Queen USA / NPC)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Club FIVE    Hoje à(s) 11:07

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Club FIVE
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» ArremateClub
» Boate Freedom
» Esporte Club Pin (ESCUDO)
» Rock The World - Online Music Game
» OLHO NO CLICK CLUB

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Academia Cross RPG  :: Província Ambarantis :: Ambarantis :: Cidade Central-
Ir para: