Academia Cross RPG
Bem Vindos!!

Aos visitantes e Novatos Na Academia Cross.

Leiam as Regras para participar do RPG.

Regras Gerais, orientações e Sistema do Jogo

Arigato pela Visita e volte Sempre!

Administração Equipe Cross



RPG Vampire Knight
 
Portal CrossInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Suíte - Tohru Kuran

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Suíte - Tohru Kuran   Qua 27 Jul 2016 - 14:26

Suíte - Tohru Kuran





~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 3:06


Todas estavam sendo tão gentis com ela...Mas a jovem Tohru se sentia ainda tão atordoada e sonolenta que mal conseguia responder ao que falavam com ela. Como na noite em que a obrigaram a cometer aquela atrocidade sentia-se mudando por dentro, só que dessa vez a sensação era boa. Era como se estivesse se recuperando de uma doença prolongada ou como se nascesse de novo, pois sentia-se trôpega e fraca como um recém nascido, mas sabia que era só questão de tempo até seu corpo se acostumar com o que fosse que estivesse acontecendo dentro de si. Não se importava, na verdade, com que estivesse acontecendo com ela mesmo. Somente o fato de que sua filha estava à salvo valia qualquer coisa. Sua criança haveria de crescer forte e saudável. Kyo-Sama fora um verdadeiro anjo, era o que a jovem pensava enquanto suas amigas a vestiam e acomodavam para que pudesse dormir e descansar.
- Watashi...Eu agradeço a vocês...Não precisavam ter tanto trabalho comigo...Eu já me sinto bem melhor. Por favor, peço que não se preocupem mais. Desculpem se as assustei.- se desculpava a jovem Kuran, envergonhada e desacostumada com tanta atenção e carinho.


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 4:19

+ Caty + Liriel + Urbi +

As meninas ajudaram-na chegar ao seu quarto e ajeitaram tudo.
Quando Tohru já estava acomodada na cama sentaram em volta dela .
Caty sorria com olhar de conforto .
-Agora só descansar To-chan .
Liriel ficou quieta pensativa.
Urbi ainda estava sem muito acreditar.
-Meu pai diz que nos puros não devemos dar nosso sangue é proibido.
Olhou para a menina.
-Seu tio vai lhe ajudar o sangue de sua família é superior a qualquer puro. - Urbi falava doce apesar de seu olhar um tanto astuto.
Liriel olhou Tohru e perguntou por fim :
-O sangue desse puro é diferente não é Toh-chan?
Olhava e sentia que havia mudança nela.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Rose Hathaway
Recem Criado
Recem Criado


Feminino
Char RPG : Rosemarie Hathaway
Humor : sarcástica
Localização : onde Tohru estiver e/ou com o Dimitri
Posts: : 130
Inscrição : 03/09/2015

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 11:26


Condicionada ao seu papel de Guardiã, Rose deu uma geral na suíte, checando os corredores e cada canto dos aposentos destinados à jovem Kuran para certificar-se de que estava tudo ok enquanto as outras cuidavam de Tohru. 
Quando voltou ouviu ainda as palavras de Urbi e aquilo a incomodou um pouco. Inspirou profundamente, sentando-se o mais próximo possível à jovem Kuran de forma protetora. 
-Com todo respeito que lhe devo, senhorita Urbi...Perdoe a minha ousadia...- ponderou um pouco tentando conter seu gênio explosivo e tentando ao máximo medir as palavras, mas seu olhar brilhante deixava claro que estava disposta a defender Tohru se fosse necessário ainda que estivesse em franca desvantagem visto ela ser uma simples dampira (vampira level C), uma mestiça como Tohru fora.- Claro que é proibido ou os senhores Sangues-Puros seriam caçados sem dó, porém no caso de nossa Tohru, preferia que para não romper um tabu ele a deixasse morrer e à cria dela diante de nossos olhos?




"Eles vêm primeiro."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 12:36


Tohru tentava focar nas amigas e não adormecer ainda pois achava que isso seria rude com elas. Não levou a mal as palavras de Urbi. Sentia uma imensa paz tomar conta de si à medida que aquele sangue a fortalecia. Com um sorriso singelo, tocou a mão da Guardiã e a olhou e à Urbi com a doçura costumeira mas havia algo diferente em seu olhar que podia ser percebido também na voz suave e musical e na aura que a cercava. Havia uma autoridade e um carisma que não existiam ou não eram tão notáveis antes.
- Está tudo bem, Rose-chan...Ela tem razão...Por isso sou ainda mais grata a Kyo-Sama...Não por minha desprezível vida...a qual a maioria dos membros do antigo Conselho, entre outros Nobres e Puros, afirmava que jamais deveria ter existido, mas por minha filha que ainda nem teve a chance de conhecer este mundo. - olhando para Urbi, ela tornou a sorrir.- Sim, Loran-Oji-Sama irá cuidar de mim e de minhas criança, com certeza. Ele é muito bondoso e justo.
Ouviu a pergunta de Liriel e recostou-se sem perceber, sendo vencida aos poucos pela necessidade premente de repouso. Ponderou, pensativa, alguns instantes, antes de responder, tentando explicar algo que era difícil de pôr em palavras. 
- Em minha breve vida, conheci até o momento o sangue de três Sangues-Puros...O do meu saudoso Oto-San...Meu pai que dava seu sangue continuamente, sem hesitar, à minha mãe humana enquanto ela estava grávida e consequentemente a mim, também depois que nasci. O sangue dele era...como Amor líquido, doce, suave, protetor, cioso daqueles que amava. Ele era muito forte mas também tão bom quanto alguém pode ser e foi destruído por Aquele que me deu seu sangue querendo me dominar de corpo e alma pelo bem de sua ambição e seus propósitos escusos, um ser tão maligno  que seu sangue era como uma droga:inebriante, forte, mas venenoso e estava me matando, nos matando aos poucos...-Tohru estremeceu, a mão protetora sobre o ventre.
Ela fez uma pausa, fechando os olhos, sentindo o novo sangue dentro de si restaurar suas forças e sua esperança a cada segundo.
- O sangue de Kyo-Sama...- a voz era emocionada e doce.- é o mais próximo do sangue de meu pai que julguei possível existir...Passa um amor incondicional e um respeito à vida e uma bondade que é raro em seres como nós...Que Kami-Sama o abençoe...Jamais poderei agradecê-lo o suficiente ainda que viva mil vidas pela bondade de ter salvo à mim e à minha preciosa criança. 
Ela suspirou, piscando os olhos para afastar a sonolência e as lágrimas de emoção.
- Sim, Li-chan...Resumindo é tão forte que meu corpo está absorvendo aos poucos...Me sinto diferente, mas desculpe, não consigo descrever como...É quase... Como se estivesse nascendo de novo. me sinto mais forte, não apenas fisicamente...É difícil de explicar...


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 14:46

+ Liriel + Urbi + Caty +

A jovem puro olhou para a guardiã de Tohru e sorriu baixo achando o jeito dela ousado até divertido, mas não se sentiu ofendida com a pergunta dela.

_Claro que não Srta Rose, acho que Kyoshiro-sama fez muito bem em salvar a vida delas.- Tocou a mão de Tohru e continuou. _ Agora pela vida salva a cria no ventre de nossa nova amiga tem um elo forte com esse puro.

Liriel suspirou baixo e sentada no sofá ouviu as palavras dela e a voz dentro dela confirmava as suas suspeitas, Angelus falava com a hunter.

~Perigoso o que foi feito, a vampira iria morrer, já estava abrindo o caminho do reino dos mortos a ela ~

“Droga... Então a Tohru... Minha nossa...”

_Toh-chan descanse afinal independente do que está acontecendo foi salva então não pense muito apenas descanse.

Caty ficava ali olhando afagando os cabelos da sobrinha de Loran.

_Melhor descansar, quando acordar revigorada iremos ensaiar para o casamente, você na voz e eu no violino ^^

Assim Caty levantou em seguida de Urbi e Liriel.

_Descanse amiga – Urbi acenou saindo primeiro e Caty logo atrás. Liriel ficou um pouco ali de pé olhando a sobrinha de seu irmão.

“Melhor falar com Lo-chan sobre isso essa mudança de Tohru-chan. “

Logo a jovem Kuran se viu sozinha e a noite estava preste a findar dando sinal do raiar do dia.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 22:08


Tohru sorriu, cansada, agradecendo a cada uma das jovens que saía.
-Hai...Descansarei... Arigatô...- a jovem disfarçou um bocejo, mas seus olhos brilharam quando Cathy mencionou o ensaio e ela teve uma ideia.
Quando Rose ia saindo, Tohru a chamou.
-Rose-chan, você estava com Ivashikov-sensei, não é mesmo? Ou estou enganada? Por favor, poderia pedir a ele que venha me procurar amanhã à noite, bem cedo? Como ele é nosso professor de música pensei em pedir a ele que me ajude cantando em dueto comigo. É que preciso de uma voz masculina para a música que imaginei e não conheço mais ninguém. Poderia pedir a ele por mim, por favor? 
Pedindo um papel e caneta a uma das meninas, rabiscou o nome da música e entregou a Rose. 
Quando ela saiu, observou que Liriel ainda a observava. Estaria desconfiada dela? Estaria tão diferente assim? - pensou, com um suspiro sentido. mas não conseguiu cogitar mais nada porque foi vencida pelo sono afinal enquanto Liriel saía também deixando-a sozinha.


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rose Hathaway
Recem Criado
Recem Criado


Feminino
Char RPG : Rosemarie Hathaway
Humor : sarcástica
Localização : onde Tohru estiver e/ou com o Dimitri
Posts: : 130
Inscrição : 03/09/2015

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 28 Jul 2016 - 22:44


Rose acenou em compreensão às palavras da Sangue Puro, olhando rapidamente para Tohru. Isso era realmente sério mas se Kyoshiro era uma boa pessoa dos males o menor, pensou, afagando a mão de Tohru, confortando-a.
Ia saindo junto com as outras quando foi chamada pela jovem Kuran. Ficou surpresa com aquele pedido.Como será que Adrian reagiria àquilo? Bom, seria uma boa maneira dele se aproximar da irmã...
- Claro! Acho que ele vai adorar...- sorriu. - Pode deixar que ele estará aqui, Toh-chan. me certificarei disso pessoalmente. Agora descanse e se recupere bem para nos encantar amanhã como fez no Natal.
Foi saindo, lançando um olhar curioso para a humana hunter. Hesitou um pouco. Ela seria um perigo para sua amiga? Ela podia não ser mais sua Guardiã mas se preocupava com ela assim mesmo. 
- Vamos, Liriel-san? - perguntou  segurando a porta aberta para a outra que, depois de alguns instantes, acabou saindo também.




"Eles vêm primeiro."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 24 Nov 2016 - 16:29


Tohru chegara no quarto e fechara a porta, sentando-se no tapete para meditar. Estava cansada mas agitada demais mentalmente para dormir. Tanta coisa acontecera aquela noite...Seu tio ficara feliz com seus progressos e isso a deixara contente também mas ele tinha algo a falar com ela...Isso e o jeito como ele olhara Kyo-Sama a deixaram um pouco apreensiva...Ele seria a favor a uma futura união dela com aquele outro Puro? O que ele pensaria disso? A acharia leviana e fácil também? Será que ela deveria ter se interessado tão cedo por outro vampiro? Mas seu coração não queria saber de convenções e batia forte por Kyoshiro...O que devia fazer?
Perdoe-me, Marshall...Anata...Eu sempre o amarei, do fundo de meu coração, demo...Também estou...amando Kyoshiro-Sama...Parece até que já o conheço há muito, muito tempo...Espero que...Não me condene por isso...E Yuriev...Oh, Kami-Sama...Tenho medo do que ele e seu clã de monstros fará em represália...Onegai, olhe por nosso bebê, Marshall...Proteja-o... Eu suplico...- fechou os olhos numa prece sincera, ajoelhada no tapete felpudo de pele.


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Sab 26 Nov 2016 - 15:36

+ Loran +




Andava pelo corredor com um ar de preocupação, afinal ele acabará de declara-se contra um clã em nome de sua sobrinha. Estava com uma carta a mão, recebida aquele final de noite, portanto deveria falar com a jovem Kuran sobre o conteúdo da carta.

Ao chegar na porta do quarto dela, bateu esperando a permissão de entrar, quando ouviu a voz dela permitindo entrou olhando tudo e depois ela.

Nitidamente a vampira demonstrava está muito apreensiva com ele, seus olhos mostravam isso.

-Então, fiquei surpreso com essa sua iniciativa, afinal vem muito tempo apática e se mantendo de fora dessa parte referente a lutas e poderes. - Sorriu – Porém acho que foi a melhor decisão e iniciativa que teve, parabéns estou contente que está mudando e parando com essa postura de só sofrer e ser maltratada.

Andou até uma poltrona e sentou cruzando as pernas e observando a jovem por um momento.

-Vou ser sincero, tudo que lhe aconteceu até agora foi por sua postura, sabe por mais que peçamos socorro e esperamos que os outros façam as coisas por nós, nada disso adiante se não tomarmos a decisão de sermos fortes e lutarmos. - Sorriu novamente a ela. - Falo isso por experiência própria, ficar a vida toda se sentindo injustiçado não muda nada e nunca saímos do circulo vicioso de sermos dominados e maltratados seja por quem for. -fez uma pequena pausa – Quero ver você cada vez mais forte e decidida.

Então ele estendeu a carta a ela.

-Essa carta é uma cópia de uma que foi encaminhada, um alto lavrado nas leis dessa nossa monarquia que diz que seu casamento foi anulado para o clã Yuriev com o primogênito do Clã Yan Yuriev. - Entregou a ela esperou ela ler e depois que terminou continuou. - Encaminhei a eles provas as quais foram trazidos pelos meus servos que foi coagida a casar por terem aprisionado seu filho, constituído isso como crime aos olhos do Rei, portanto os enviei uma ordem para entregar a cria e inteira sem nenhuma sequela para vós sobre a pena de perder a posição em um dos Tomos dos anciões.

Olhou-a por fim, pegou outra carta, essa porém estava fechada.

-Está carta em minhas mãos é a resposta dele, ainda não li, quero fazer com você, já que é a mais interessada na solução desse impasse.

Esperou por fim que ela falasse.

+++

Rolar dados


Lábia + inteligência


Dificuldade 9


2 acertos – concordam e devolvem o filho de Tohru.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Dom 27 Nov 2016 - 2:03


Tohru ouviu seu tio falar sobre suas mudanças e deu um longo suspiro, ficando muito séria.
-Quando se passa por tudo pelo que passei, quando se é obrigada a descer ao próprio inferno, você só tem duas opções: Ou se afunda cada vez na passividade, se deixando dominar até ser destruída ou se reage e se dá um basta. Continuo avessa à violência, Oji-Sama, porém eles ameaçaram os meu filhos, uma ainda por nascer!- Tohru passou a mão protetoramente sobre o ventre.- Isso e mais arrogância do Yuriev pai ao afirmar para seus súditos que eles eram os detentores da verdade por terem conseguido a união com o clã real, o modo abjeto como fui tratada por Yan e mais a terrível carnificina que houve naquele castelo pouco antes de me despacharem de volta me fizeram despertar e reagir. Não tive tempo de descobrir os planos deles como queria, Oji-Sama, sinto muito por isso demo...- ela franziu a testa, preocupada.- A terrível aura de destruição, aquele cheiro de sangue quase enlouquecedor de tão intenso...algo muito grave aconteceu aquela noite, eles planejam algo de terrível e eu não posso compactuar com seja o que for que eles pretendam! Antes de tudo sou uma Kuran e pelo bem da nossa raça, sinto que eles não podem conseguir o que pretendem seja o que for! 
Tohru fez uma pausa e continuou.
- Quando essa resolução se tornou firme dentro de mim e eu decidi romper definitivamente com Yuriev, isso quase me matou por causa do sangue que me obrigaram a ingerir, mas, graças a Kyo-Sama, eu sobrevivi...- ela não pôde evitar que seu semblante se suavizasse e seus olhos brilhassem ao citá-lo.- Ele me convenceu que aprender a me defender era o melhor a fazer para começar a mudar e proteger os que me são caros e até a mim mesma. - ela olhou pra seu tio com carinho e deu um sorriso triste.- Hai, farei o possível para ser forte e decidida, Oji-Sama. Prometo me esforçar ao máximo.
Ela empalideceu ao ver a carta, sabia que aquele momento de confronto chegaria mais cedo ou mais tarde e ansiava por ele ao mesmo tempo que o temia.
-A sorte está lançada...-murmurou, lívida, após ler a carta enviada e olhar, receosa, para resposta enviada na mão de Loran.- Vejamos se eles são sensatos e obedecerão ao seu verdadeiro rei ou continuarão em seu delírio de grandeza. Por favor, abra a resposta, Oji-Sama!


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Dom 27 Nov 2016 - 2:03

O membro 'Tohru Kuran' realizou a seguinte ação: Lançar Dados


'D10' : 6, 1, 3, 7, 9, 9, 2, 10


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Qui 1 Dez 2016 - 17:09

+ Loran +

Ele sorriu satisfeito com a postura de Tohru, era isso que queria ouvir dela e claro agir como uma Kuran e membro daquela família real.

- Fico muito feliz e irei acompanhar seu desenvolvimento, claro se precisar de ajuda quanto aos poderes, manipulo o frio e posso lhe ajudar, algumas dicas – piscou para ela sorrindo em seguida.

Suspirou baixo e ficou pensativo sobre a situação do clã Yuriev, eles andavam com muitos problemas internos e o desaparecimento do primogênito deixava aquele clã totalmente desequilibrado e claro instável. Loran pretendia fazer deles aliados, porém segundo seus espiões o primogênito havia demonstrado alguns surtos e duvidava-se de sua sanidade, o que era perigoso. Um puro em surto é perigo para vampiros e humanos.

-Tohru-cha, esse clã tem seus conflitos internos e Yan Yuriev se mostra perigosamente instável, segundo seus próprios relatos, quando a informações que poderia obter daqueles puros. Fique despreocupada o que passou e contou já foi o suficiente para as investigações e claro a confirmação que Yan, seu esposo, usou a cria, após sequestrar de seus parentes humanos para forçar o casamento.

Abriu a carta e olhou por um tempo, estava sério e continuou a falar.

-Encaminhei a eles provas irrefutáveis desse crime perante a monarquia, já que é membro da família Kuran e devido a isso, a credibilidade e claro poder de voz no Tomo dos Anciões será revisto.

Ficou olhando a carta e deu um leve sorriso.

-Criei uma nova forma de comandar e claro um novo sistema de governo. - Fez um Leve pausa e encostou na poltrona. - Monarquia democrata, serei o responsável por garantir que as novas leis sejam cumpridas e surge o Tomo dos Anciões, os cincos grandes clãs deverão nomear seu representante e juntos refirmaremos as novas leis e diretrizes com uma base principal, humanos e vampiros em igualdade de diretos, crimes de ambos serão punidos de acordo com a sua gravidade.

Ele estendeu a carta resposta a ela.

- Agora, se um clã que age assim contra os próprios de sua raça usando meios ardilosos e manipuladores a fim de obter poder, entra no Tomo fica realmente difícil. O novo sistema impõe igualdade e eles demonstraram que podem agir contra qualquer um. Eles perderam a posição e deverão agora mudar a imagem negativa para voltar a ter voz no Tomo.

A carta nas mãos de Tohru era lida e cada linha onde o ancião do clã pedia humildes desculpas pela postura do seu primogênito, informava que iria tomar as devidas providencias para garantir a punição e pedido de desculpas formal perante a família real Kuran e nos demais Tomos.

A carta informava que a cria de Tohru seria devolvida, que estava em prefeito estado de saúde, pois fora bem cuidada naquele período. Eles desconheciam os intenções de seu primogênito e que lamentam muito tal postura.

- Pelo que entendi preferiram fazer a linha mais diplomática e amanhã a noite virá um representante entregar-lhe a criança. - apontou para a carta. -Eles são bem espertos, aceitaram inclusive anulação do casamento abrindo a você a decisão de levar o Yan as acusações sobre a forma que o casamento ocorreu. - deu um sorriso debochado quanto a isso- Eles acham que somente isso resolverá, porém já sei como lidar com esse clã e por mais ardilosos que sejam e fazendo essa linha de aceitarem tudo conforme lhes passei só me diz que logo farram algo para levar o nome do clã e ter de volta a voz ativa no Tomo dos anciões, ou seja podemos esperar algo pior daqui para frente.

Loran levantou e ajeitou a roupa olhando para ela.

-Tohru-chan, ao menos essa parte resolvemos, claro que não seremos ingênuos em acreditar que eles estão sendo “bonzinhos”, pelo contrario, sou desconfiado por natureza e quando assumi o comando e as situações estanhas e perigosa que vem acontecendo esse meu jeito desconfiado piorou. - caminhou pelo quarto dela e parou perto da janela. - isso acontece devido ao fato de todos serem possíveis divergentes contra as minhas ideias e forma de governar, sofreremos represarias e questionamentos portanto, pretendo ser mais rigoroso em quem se aproxima de nós. - Olhou ela. - Eu espero que não se chateie com isso, porém a primeiro momento quero que evite se envolver com Kyoshiro sama.

Fez um breve pausa analisando as reações dela e concluindo que isso já não pode ser evitado.

-Sei que anda sozinha e pelo seus sofrimentos e perdas, tanto de entes queridos como de seus esposo suas emoções e carência devam está sendo maiores, além do mais para um vampiro perder seu companheiro é perder também parte de sua existência, já que ambos são ligados por laços de sangue. - suspirou baixo ainda olhando ela – Kyoshiro sama para nós é um puro desconhecido, associação de caçadores e os nossos grimórios vampíricos relatam sobre todos os puros nascidos do inicio da nossa existência, quando surgiu os vampiros na terra. Kyoshiro sama não tem registro e ele não fala o nome de seu pai, portanto, impossível para mim confiar em um puro que para todos nós não existe oficialmente.

Voltou para perto dela e tocou seu ombro um tanto preocupado.

- Foi trabalhoso e sofrido para ti se livrar de um puro, pense antes de agir, não quero ver sofrendo de novo e pior com outro puro. Enquanto eu não souber mais sobre ele, enquanto não tivermos respostas de quem ele é e a qual clã pertence ou se tem ligação com alguma família de puros, peço que seja sensata e evite esse envolvimento, porque dessa vez se algo acontecer, agirei mais rigoroso. Não é sua vida em risco somente, há seus filhos e consequentemente a credibilidade dos Kurans. - afastou dela e finalizou – Pense antes de mais nada , não deixe se envolver pelas emoções o tempo todo, um puro tem poder de influencia muito grande sobre nobre e ludibriar a mente é coisa muito fácil para eles, então cuidado com Kyoshiro sama, até ele provar ser merecedor de confiança deve ficar sempre em alerta. Lembre-se foi por confiar demais que sua vida ficou complicada com os Yuriev .

Esperou as reações dela já prevendo que iria defender o puro.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D


Última edição por Master em Sab 3 Dez 2016 - 9:03, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Sex 2 Dez 2016 - 3:56


Tohru ouvia seu tio com atenção, concordando em silêncio com tudo. Sorriu, orgulhosa, quando ele falou sobre as novas leis que planejava implementar.
- Meu pai pensava como o senhor. Ele ficaria orgulhoso do que pretende fazer assim como eu estou.Tem meu apoio, Oji-Sama.-sorriu pra ele, com admiração no olhar.
Ele, então, deu a resposta para ela ler. Ela tentava não deixar as mãos tremerem, mas a indignação cobriu suas faces de rubor.
-Isso é mentira!! Ele sabia de tudo! Pude perceber em seu discurso no casamento...- e descreveu o que conseguia se lembrar.- Quanto cinismo! Tenho certeza que foi o velho Eleazar que tramou tudo...Yan é louco  e cruel sim, mas ainda me pareceu um marionete do pai...embora, sabe os deuses até quando...O que terá acontecido com ele, afinal? A mãe dele não soube me dizer nada...- divagou, intrigada.
Fechou, então, os olhos, suspirando, sorrindo,feliz, segurando a carta contra o peito.
-Estou livre e...Eles vão devolvê-lo! Oh, meu Ka-chan!- exclamou, emocionada, porém, seu semblante ainda expressava profunda preocupação.- Perfeito estado...Não sei...Eles o obrigaram a cometer fowlon...assim como fizeram comigo..Mas eu sou adulta e ele....Era só um bebê!! Estava tão diferente da criança meiga que eu conhecia...Ele era parecido com meu oto-san...Com o senhor também, Loran-Oji-Sama, mas agora...- ela suspirou, triste.- Seus cabelos estão brancos...e os olhos que tinham o verde dos meus ficaram azuis e...Ele mal me reconheceu...Não correu pros meus braços como sempre fazia...Só espero que o meu amor possa reverter esse quadro e meu pequenino volte a ser como era antes...-suspirou, pesarosa.
- Nani? Kyo-Sama?! Doshite?- levantou o olhar para o tio, perplexa.- Ele salvou a mim e a minha criança da morte certa! Ele...Ele é bom e gentil e...Eu estou gostando dele...Mais do que pensava ser possível...Ele está curando a ferida aberta em meu coração e alma desde a morte de Marshall, Oji-Sama! E agora me pede para eu me afastar dele?! Sei que quer evitar que eu sofra, mas já está me fazendo sofrer!!- protestou, emocionada, mas se calou conforme ele falava. Sentindo-se perdida e sem forças  foi ajoelhando novamente no tapete de pele, abaixando o olhar, derrotada.
Realmente não tinha ideia de quem ele era ou a qual família pertencia, mas nem se lembrara disso.Ele era tão gentil e delicado com ela que se apaixonara, assim como com Yuriev, mas era diferente dessa vez...Ele, Kyo-Sama, era diferente. Tinha certeza que era sincero e bem intencionado ao contrário do Puro romeno. mas seu tio tinha razão.Tinha que ter cuidado pois havia não somente a vida dela em jogo mas a de seus filhos e a de seu povo, afinal, era um membro da família real...Jamais seria livre para amá-lo se ele não esclarecesse quem era de fato...
- Hai, Oji-Sama...O senhor tem razão...Embora meu coração esteja novamente em pedaços, respeitarei sua vontade porque é justa...Não havia pensado nisso. Achei que soubesse quem ele era, afinal o recebeu aqui e estava ajudando a procurar o pai dele...- ela encarava o chão, fazendo força pra não chorar. 
- A vida dá...A vida toma...- pensou desolada. estava tão feliz, mas parecia que o destino não permitiria jamais que fosse feliz de verdade.
- Tenho certeza que meu pai faria o mesmo que o senhor...Na verdade, ele nem queria que eu namorasse Marshall...Um humano hunter, depois descobrimos que era um transformado...Acho que só acabou permitindo por medo que eu ficasse doente de novo...Desenvolvi uma espécie de catalepsia nervosa depois da morte da minha oka-san, mas Arashi-san, uma amiga da Cross de Paris me curou...
Suspirou, desolada.
-Farei o que me pede...Demo...Ele falará com o senhor, Oji-Sama. Procure ouvir o que ele tem a dizer. Peça a ele que se explique e lhe conte tudo e se apurar que ele é sincero como acredito que seja...rogo que permita que fiquemos juntos...caso contrário...Bem, viverei somente para meus filhos...Não quero saber de mais ninguém em minha vida...-uma lagrima solitária escorreu no rosto lívido e frio como mármore.


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador


Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis/Arthur

Lya Merelin

Aldoph Magnus

Lord Drei Dreizahl

Kyoshiro

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2213
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Sab 3 Dez 2016 - 9:27

+ Loran +

Ele deu um sorriso leve e estava seguro disso, afinal aquele clã era um tanto complicado de lidar.

-Que é mentira já sabemos, mas não posso negar esse pedido de desculpas, se a reação deles fosse opostas era claro que agiria de forma mais enérgica. - passou a mão nos cabelos. - O que parece que ele está jogando toda a culpa em seu primogênito.

Levantou já se preparando para sair.

-Tohru-chan, muitos aqui me consideram um jovem puro idealista e até irresponsável, devido a isso preferem agir contra a mim do que buscar um apoio, se Yan tivesse tido outra postura, talvez, só talvez eu poderia entender o que está acontecendo e até quem sabe torna-lo aliado. - fez uma breve pausa. - Faze-la se casar contra vontade e agir dessa forma desmedida só me deixa realmente contra qualquer postura que ele venha a ter de agora em diante.

Sorriu ao ver a alegria dela sobre a devolução do seu filho.

-Quando ele chegar iremos ver como está, chamarei um médico e um psicologo para uma avaliação. - ficou um pouco preocupado – Fowlon para uma cria tão nova é arriscado, pode levar até a loucura, no entanto vamos ver como ele está antes de qualquer especulação.

Já sabendo da reação dela quanto a Kyo, ele ficou um tempo em silêncio assim que ela terminou voltou a tocar o ombro abaixando perto dela.

-Tohru-chan, sei o que ele fez e só por isso que permiti que ficasse, ainda assim fui um pouco imprudente em permitir isso. Como disse, não temos muitas informações sobre ele. -Afagou o ombro dela – Desculpe lhe fazer sentir assim, não temos como ser irresponsáveis atualmente e tudo que acontece é perigoso para nós.

Levantou ainda olhando ela.

-Kyoshiro tem muito o que me falar antes de ficar nessa mansão, lhe ajudei por ter informações preciosas de um mafioso que meus servos andam vigiando e acredito que tem muitos envolvimentos com os meios obscuros nessa cidade. Quem não garante que ele talvez não seja um espião desse mafioso? Quem não garante que ele esteja aqui justamente para isso, ganhar nossa confiança e depois nos destruir?

Deu um passo afastando-se e foi para a porta do quarto, abrindo-a.

-Marquei com ele uma reunião para logo mais, quero a verdade e dependendo do que aconteça, lembre-se é para nossa segurança.


Se retirou deixando a jovem desolada, cortava-lhe o coração, porém ela tinha que ter ciencia de que qualquer um que se aproximasse deles deveriam ser cautelosos.


~* Narrador Master *~
_Agora repita comigo: Nunca mais desobedecerei um DEUS!
Assim você evita levar um mac ban feliz >D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Tohru Kuran
B
B


Feminino
Char RPG : Tohru Kuran
Humor : otimista
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 705
Inscrição : 11/04/2009

MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Sab 3 Dez 2016 - 19:00


Tohru ouvia as ponderações de seu tio e sentia seu carinho naquele toque de conforto em seu ombro mas nada conseguia consolá-la. Entendia porque seu tio agia daquele jeito, sabia que ele tinha razão e tudo que podia agora era pedir aos deuses que Kyoshiro conseguisse convencer seu tio de que era de confiança, demo...nem mesmo pra ela ele disse o nome de seu clã. Se bem que ela nunca pensara em perguntar... E agora? Por que o destino a queria tão  infeliz? Ela e Kyo-Sama jamais poderiam ser felizes juntos?
Quando Loran saiu do quarto, ela pôde dar vazão à sua dor e ao seu desespero. Nem pôde curtir a alegria da volta de seu filho mais velho. Só conseguia chorar e assim foi até que ela adormeceu de exaustão ali mesmo no tapete.
Seu celular tocou um pouco antes dela apagar. Era Rose, que estava voltando para a mansão para ser sua guardiã e queria saber se ela ainda estava acordada. Tohru até atendeu, mas só conseguia soluçar:
- Rose...Kyo-Sama...Oji-Sama...- balbuciou, sem sentido, aos prantos.
- Fique calma, Tohru-chan!Estou indo praí!- soou a voz alarmada da guardiã, ma jovem Kuran nada mais ouvia.


"-Você é carne ou espírito?
 -Eu sou tristeza."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Suíte - Tohru Kuran   Hoje à(s) 11:06

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Suíte - Tohru Kuran
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Tohru Kuran
» Mansão Kuran
» Kenmaru Kuran
» Kuran Matsuda
» Quarto - Selene D’Angelys McWolf e Andrômeda Athena Walker

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Academia Cross RPG  :: Província Ambarantis :: Ambarantis :: Cidade Alta :: Mansão Kuran-
Ir para: