Academia Cross RPG
Bem Vindos!!

Aos visitantes e Novatos Na Academia Cross.

Leiam as Regras para participar do RPG.

Regras Gerais, orientações e Sistema do Jogo

Arigato pela Visita e volte Sempre!

Administração Equipe Cross



RPG Vampire Knight
 
Portal CrossInícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Estrada da montanha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
Master
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis Montgomery

Lya Frantini Merelin

Aldoph Magnus

Lorde Drei Dreizahl

Kyoshiro Sugawara Dreizahl

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2387
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Estrada da montanha   Qua 21 Out 2015 - 20:40

Relembrando a primeira mensagem :

Estrada da montanha




A cidadela onde ficava a sede da Academia Cross, tinha duas entradas, uma seria a estrada principal pela cidade baixa, a rota principal para os que ali chegam.

A outra estrada veria pela serra, conhecida como estrada da montanha, na verdade muitos diziam ser a estrada da morte, já que ela descia a montanha em curvas muito fechadas e chegando a beirar precipícios. Fora desativada a muitos anos, devido a grande número de acidentes na região.

Essa estrada iniciava no final da floresta e terminava na entrada da cidade alta. E era lá que acontecia eventos clandestinos de racha com altas apostas e muita adrenalina.


~* Narrador Master *~
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda

AutorMensagem
Master
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis Montgomery

Lya Frantini Merelin

Aldoph Magnus

Lorde Drei Dreizahl

Kyoshiro Sugawara Dreizahl

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2387
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Dom 1 Nov 2015 - 16:27

[ Loran ]

Ele descia até a moto e sorriu aquele vampiro de cabelos cor de fogo.

_Que nada isso aqui não foi nada, estou bem... -Levou a mão a perna e passou assim logo em seguida o ferimento some e só fica a mancha de sangue e o rasgo na calça jeans preta. _ Agora minha moto já era ... -Riu coçando a cabeça.

Quando Charles chega até eles, Loran solta uma risada divertida.

_Cara fud*** com minha moto, já era nem milagre faz ela voltar a rodar rs

Eles estavam distraídos e a bebida ainda fazia efeito e Loran sorria a toa quando algo brilha em direção a Loran... Uma explosão se ver no ar próximo a eles e o Kuran abaixa se pensa ser a moto, quando olha o vampiro ruivo com a mão em chamas purpuras apontando para outra direção.

_Mas que P*** ... - Olha para a direção que o vampiro olhava e viu um grupo correr._ De novo... essa merda de corrida é pra valer mesmo.- Ele se levanta e usa seu poder de gelo e apaga o fogo a sua volta.

Era para atacar ele mesmo saindo da pista? Que droga de regras são essas? Nem competindo estava mais... Ou era mais um atentado contra ele...? A última opção era a mais certa.


~* Narrador Master *~
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Fabi
SP
SP
avatar

Feminino
Char RPG : Nero Sorel (B)

Lillian (Lily) Sorel (B)

Órion Sorel (B)

Lewis S. Murdock (A)

Lucius Sallazar (A)

Leon Gianni (Hunter)



Humor : Sei lá
Localização : Rio de Janeiro - Brasil
Posts: : 1423
Inscrição : 06/09/2008

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Dom 1 Nov 2015 - 17:13

+ Nero


O ruivo negou com a cabeça ao ver o descuido daquele rapaz. Realmente a moto havia tido perda total com aquele acidente. Olhou para o loiro e apenas o cumprimentou com a cabeça. Nero não iria usar etiqueta em um local informal como aquele, mesmo que fosse com puros. Se estavam ali, etiqueta era a última coisa que iriam querer, pensou.


Então algo brilhou atrás do Kuran. Nero reagiu instintivamente à explosão. Ergueu as mãos e controlou aquele fogo. As chamas brilharam púrpuras assim que o controle foi feito e ele as desviou, impedindo que o trio fosse ferido. Que merda havia sido aquilo?


Ele viu o Kuran começar a apagar as chamas e o auxiliou a extingui-las. Abaixou as mãos e olhou ao redor alerta.


- Mas que... Isso está ficando cada vez mais perigoso.




Voltar ao Topo Ir em baixo
kagura
SP
SP
avatar

Feminino
Char RPG :
Chars: Charles | William | Vincent (Arthur) | Melissa
NPCS: Murtagh | Junes | Junniper | Ryan | Trevor
Humor : Mutavel.
Localização : Brasília
Posts: : 3618
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Dom 1 Nov 2015 - 18:04

++Charles++

Talvez bêbados realmente tenham sorte afinal, ou talvez tenha sido apenas uma peculiaridade por ser eu e ter  acabado de roubar naquela corrida, quem sabe? Melhor. Já estava na próxima decida e ganharia fácil. Se não fosse por um barulho muito alto para meus tímpanos e um cheiro de sangue cortando o ar. Bom, delicioso e, perigosamente tentador, como o de outro puro sangue. Meus olhos ficaram levemente avermelhados quase instantemente, enquanto meus dedos pressionaram o freio bruscamente. Droga. Kuran havia batido.

Constatei imediatamente, virando a moto e retornando ao ponto. Ou melhor, até onde o cheiro de sangue fresco me conduzia, enquanto coçava o capacete. Que merda. Daquela vez realmente havia exagerado, e o menino chegava a ser uma das coisas menos sem graças naquela academia... Não devia ter aceitado a proposta da ruiva encapetada quando sabia que seria dor de cabeça. Lydia e suas ideias... Não confie nelas. Fiz uma anotação mental, girando os olhos e aproximando a moto do japonês e um certo ruivo que desconhecia.

-Na verdade, acho que nem com um milagre a lataria ainda serve... – Respondi assim que me aproximei. O som da explosão da moto fora ouvido a distância. –Mas, em compensação, acho que já pode abrir uma empresa de demolição de veículos, já que, pelo que vejo, está quase inteiro. – Falei em tom de brincadeira, sem o capacete, para amenizar o clima.

Para falar a verdade, com a saída de Loran e a desclassificação do único concorrente bom o bastante para competir comigo, toda aquela corrida tinha perdido a graça e a diversão. E era obvio em minha face que tinha perdido o interesse em ganhar algo assim.

-De qualquer forma, acho melhor sairmos daqui antes que venham nos procurar e...

Mas não consegui terminar a frase. Uma segunda explosão tinha nos interrompido.

– Mas que bosta significa isso...!?

Me ouvi gritar de forma chula, olhando para os lados e farejando o ar. Droga, droga, droga. Estávamos no meio de um atentado e mal sabíamos de onde vinha?

– Merda!

Xinguei com os olhos vermelhos e aura pesada e hostil. Quem quer que tivesse feito aquilo, ia pagar, ah se ia, mas agora... Quando nada víamos...

– Ei, Kuran, pega isso. - Minha mão foi até o porta mala da moto, e de lá joguei um capacete ao outro puro sangue. Como as coisas estavam ali, a única alternativa era fugir por enquanto. – Vou te dar uma carona pra fora daqui. – Acenei para a moto, religando seu motor, então encarando o outro vampiro. – Te aconselho a fazer o mesmo, de onde veio uma explosão, podem vir duas.

Mesmo que acho que estão atrás de um de nós dois... Repeti mentalmente, esperando Loran subir para acelerar a moto em meio a floresta. Se fosse por ali e usasse minhas habilidades, estaríamos mais seguros que na pista aberta. Além disso, aquele era o caminho mais curto para baixo.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Dorii'
SP
SP
avatar

Feminino
Char RPG : Sakura Tsukino Ruri Yuriev Caio Trigoli Dante Falleneaves
Humor : O novo prefume da natura ;)
Localização : Na banca de jornal mais proxima de você!
Posts: : 4567
Inscrição : 18/04/2009

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Dom 1 Nov 2015 - 19:44

Lídia Flyer

Lindo. Perfeito.
Eu estava com Paolo algumas curvas abaixo quando senti o cheiro do sangue de um dos puros. Esperei um tempo, o processo de coagulação do sangue poderia ser mais rápido nos puros, mas as amostras que ficassem no asfalto congelado estariam preservadas por tempo o suficiente.
Eu tinha que esperá-los chegar no final da pista e enviar Paolo para pegar a amostra, mas algo aconteceu.

- Mas que merda foi essa? - eu gritei, olhando para os outros vampiros que estavam comigo. Meus meninos. - Subam essa droga de montanha e vejam quem diabos está fazendo isso! - rosnei para eles, que subiram em suas motos ou através de sombras até o local.

- me leva agora, não podemos perder - disse para Paolo.

- Fique aqui, Fox, eu vou... - ele tentou argumentar para deixá-la longe daquela confusão.

- é MINHA corrida, seu verme... Agora suba comigo essa maldita montanha. Não pedi sua opnião, Paolo

O vampiro apenas se aproximou, sério e com a mandíbula tensa por raiva, me pegando e levando até o local da queda de Loran. Era assim que eu queria. Obediência e nada mais. Paolo sabia que se me irritasse poderia ser substituido. Todos sabiam disso.

Eu fui até aquela parte do asfalto, puxando um pequeno cilindro desatarraxando e passando um uma espátula com ponta absortiva, pegando uma amostra daquele sangue e pondo de volta no cilindo que mantinha uma temperatura extremamente baixa.

- Muito bem, agora vamos sair logo daqui - Paolo disse, preocupado, me pegando pela cintura e puxando para dentro das sombras novamente.
Eu ria. 
Aquilo me renderia alguma grana, mas... melhor que grana era os favores que os hunters iam ficar devendo. Era assim que funcionava esse negócio. 
Assim, eu sumi nas sombras com ele. Meus meninos iam cuidar das coisas por ali.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Dark_Rose
B
B
avatar

Feminino
Char RPG : Rose Valentine (PB)
Lara Kapetine (Hunter)
Humor : Incompreesível
Localização : Inglaterra
Posts: : 675
Inscrição : 06/09/2008

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Seg 2 Nov 2015 - 21:39

Rose aparece em meio as árvores voltando da cidade quando de repente vê uma moto passando mais a frente com Charles pilotando e Loran na garupa.

Ela sente cheiro de sangue e logo reconhece que é de seu noivo.

Ela fica com uma expressão assustada quando olha para onde seria pista e vê chamas vindo de lá. Uma explosão? Um ataque? O que seria?

Loran estava bem?  Ela fica sem reação sem entender o que estava acontecendo. Então começa a se arrepender por ter se afastado mesmo que por pouco tempo.

Ela resolve então ficar parada porque não iria correr atrás da moto. Loran teria que sentir a presença dela no local.


Lara Kapetine
Voltar ao Topo Ir em baixo
Master
Administrador
Administrador
avatar

Feminino
Char RPG : Narradora

Loran Kuran

Louis Montgomery

Lya Frantini Merelin

Aldoph Magnus

Lorde Drei Dreizahl

Kyoshiro Sugawara Dreizahl

Humor : Vai depender de sua postagem >D
Localização : Rio de Janeiro
Posts: : 2387
Inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   Sab 7 Nov 2015 - 2:00

Olhou Charles e sorriu dando de ombros para a moto, mas a sequência de explosão foi o que assustou, e assim que o loiro lhe entrega o capacete coloca subindo na moto e segurando a lateral se apoiando no acento de trás.

Olhou o vampiro de cabelos vermelhos e gritou:

_Qual seu nome?... Estou te devendo uma ... – Riu e apontou para Charles acelerar e ambos saírem daquele lugar, ainda precisava achar sua noiva e pegou o celular no bolso do jeans. _Atende... – ficou tentando até ouvir que ela atendeu. _Rose, esta aonde? Saia dai... estou indo te buscar venha para a descida da montanha.

Assim  ambos saíram e encontraram ela no final da estrada.

_Caramba que droga foi aquela? Pensei que era só uma corrida amistosa...

Loran estava preocupado com Rose e ficava mandando mensagens. Nesse momento Raiven aparece com uma moto e olha para eles parando ao lado de ambos.

_Loran-sama, vamos sair daqui... Por favor!?

_Rose ainda não veio...

_Vou busca-la. –Raiven acelera com a moto e vai até o pé da montanha para buscar a sangue puro.

Loran envia mais uma mensagem, onde informa que Raiven estava indo lhe dar carona.

Assim que recebeu a resposta falou com Charles.

_vamos, Rose esta com Raiven que vem trazendo ela... Voltar para academia.

Partiram rumo a academia cross.


~* Narrador Master *~
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.recantodasletras.com.br/autores/isamiranda
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Estrada da montanha   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Estrada da montanha
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2
 Tópicos similares
-
» Estrada da montanha
» VII - Pela estrada afora eu vou bem sozinho...
» Bugando montanha invertida - nuke
» ORAÇÃO Á CIGANA DA ESTRADA - TRAZER AMOR DE VOLTA
» O Evolucionário da Montanha Wundagore

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Academia Cross RPG  :: Província Ambarantis :: Ambarantis :: Floresta e arredores-
Ir para: